Telefono Azzurro, l’associazione giunta all’importante traguardo dei 30 anni di attività e che dal 1987 difende i diritti dell’infanzia
07/11/2017 – 20:42 | No Comment

Servizio civile nazionale 2017 telefono azzurro: il bando scade il 20 novembre. Iscrizioni aperte a Firenze, Milano, Napoli, Palermo, Roma e Torino L’associazione da 30 anni attenta al rispetto dei diritti dei bambini e degli adolescenti, seleziona volontari per il progetto “Dico no al Bullismo”.

Read the full story »
Culture-Cultura

Migration-Migrazione

Youth-Giovani

Women-Donne

Turismo a Sao Nicolau

Per chi volesse girare con curiosità l’isola, preferibilmente a piedi, è indispensabile una buona carta geografica

Home » Culture-Cultura

“Marichica foi a primeira” apresentado em Roma 13 Maio 2012

Submitted by on 16/01/2014 – 22:28No Comment
“Marichica foi a primeira” apresentado em Roma 13 Maio 2012

A Fundação Tabanka Onlûs apresente neste domingo, 13, na Casa Internacional das Mulheres em Roma, o documentário“Marichica foi a primeira”, da autoria da jornalista Maria de Lourdes Jesus, em colaboração com Anna Maria Galão da Kenzy Produção.

O documentário relata a história das mulheres de Cabo Verde que trabalharam durante anos na Itália e que agora estão regressando ao seu país de origem. “Foram entrevistadas um conjunto de pessoas reformadas, que resolveram vir fixar residência em Cabo Verde, mas também jovens que formaram e retornaram para trabalhar no pais e pessoas que vieram investir as suas poupanças nas ilhas”, dizia Maria de Lourdes Jesus ao asemanaonline, por ocasião da apresentação da obra em S. Nicolau.

O documentário, que tem uma hora de duração e já foi exibido pela cadeia de televisão RAI Itália com uma repercussão “muito positiva”, segundo Maria de Lourdessua , foi apresentado na ilha, São Nicolau, em Agosto passado, no âmbito das actividades do Dia do Emigrantes.

No encontro de Roma, após a exibição do documentário, haverá um debate sobre a actual situação de Cabo Verde. Participam deste sarau o embaixador de Cabo Verde na Itália, Eduardo Barbosa, de entre outros convidados.
“Marichica foi a primeira” faz parte de um projecto de pesquisa sobre a emigração cabo-verdiana na Itália, realizado por Maria de Lourdes, que contempla a publicação de um livro autobiográfico, ilustrado com fotografias.

Comments are closed.